Noivos escolheram finger food para o casamento real

Casamento Real: a prova de que finger food ainda está em alta

 

Os noivos optaram por não colocar mesas e cadeiras para os convidados

No casamento do Príncipe Harry com Meghan Markle muitos protocolos foram quebrados, como o coral gospel cantando Stand By Me na cerimônia, Harry casando de barba, a noiva entrando sozinha na capela e os bolos separados em blocos.

Mas, uma coisa que chamou a atenção, foi buffet escolhido. Como o casamento aconteceu na hora do almoço, todos estavam esperando uma refeição feita à mesa. Ao invés disso, canapés servidos em bowls foram oferecidos aos 600 convidados no castelo de Windsor.

castelo-windsor-casamento-real

Harry e Meghan escolheram não colocar mesas e cadeiras para que todos pudessem circular pelo salão de banquetes do castelo e socializar com os outros convidados.

Porém, dizem por aí, é que eles escolheram uma saída inteligente para a discussão de quem sentaria com quem, evitando assim, possíveis constrangimentos.

O chef

Mark Flanegan e sua equipe formada por 30 pessoas, ficaram responsáveis pela preparação do buffet. Porém, foram os noivos que escolheram todo o cardápio, a partir de sugestões do chef. Meghan tem interesse na área, pois, antes de se casar, escrevia um blog dedicado à gastronomia, vinhos e estilo de vida.

Os ingredientes utilizados para compor o menu vieram da região do castelo. Além disso, eles fizeram questão de usar vegetais, frutas e flores sazonais.

Canapés

Lagostins escoceses enrolados em salmão defumado com citrus crème fraiche;

Espargos ingleses grelhados envolvidos em presunto Cumbrian;

Panna cotta de ervilha com ovos de codorna e erva lúcia-lima;

Tartare de tomate e manjericão com pérolas de vinagre balsâmico;

Frango cozido em iogurte, apimentado com damasco assado;

Croquete de cordeiro de Windsor confitado, legumes assados e geléia de chalota;

Lanças de aspargos com muçarela e tomate seco.

Pratos servidos em bowls

Fricassé de frango com cogumelos morchella e alho-poró;

Risoto de ervilha e hortelã, azeite trufado e chips de parmesão;

Barriga de porco de Windsor assado por dez horas com compota de maçã e torresmo.

Canapés doces

Macarons de champanhe e pistache;

Tartelete de creme brûlée de laranja;

Tartelete de ruibarbo.

O Bolo

bolo-princesa (1)

Ao invés do tradicional bolo de frutas secas com diversos andares, foram feitos 4 bolos de diferentes tamanhos que não foram sobrepostos. O bolo de limão e xarope de flor de sabugueiro, foi criado por Claire Ptak, da confeitaria Violet Cakes. Feito com ingredientes orgânicos, foram utilizados 200 limões sicilianos, 20 quilos de açúcar e farinha, 500 ovos e flor de sabugueiro das árvores da própria casa da rainha.

Para decoração, creme de manteiga de merengue suíço e flores naturais, como peônias e rosas.

 

Deixe uma resposta